Cascais testa sistema inovador de prevenção de incêndios

quinta_do_pisao_1

A cicatriz continua aberta, não só porque a investigação às causas dos incêndios que fizeram mais de cem mortos em Portugal este ano, consumindo milhares e milhares de hectares de área verde, ainda não foi concluída, mas também porque a recuperação é um processo que se avizinha longo. Para evitar outras cicatrizes e porque a prevenção tem que ser aqui a palavra de ordem, entra em cena o projeto Smart-Forest, uma ideia nacional, que já passou do papel para o terreno.

A ideia é, lê-se no site da iniciativa, “desenvolver aplicações para proprietários de parques florestais, que fazem a monitorização em tempo real das suas propriedades. Através de uma rede de sensores de baixo custo, pretendemos antecipar as condições ambientais favoráveis à ocorrência de incêndios e detetá-los no início”. A isto juntam outro objetivo: melhorar o tempo de resposta do dispositivo de combate aos incêndios, conseguido através dos alertas gerados pelo sistema.

Uma ideia que se encontra a ser testada na Quinta do Pisão, em Cascais. “O projeto-piloto visa a prevenção de fogos florestais através da utilização de sensores que recolhem dados para criar alertas em caso de risco de incêndio, uma nova monitorização que permite alertas aos tradicionais agentes envolvidos na prevenção e combate aos fogos florestais”, explica a autarquia, que confirma a instalação de cinco sensores na Quinta do Pisão, que proporcionam a recolha de informação, como os níveis de dióxido de carbono, humidade, força e direção do vento. “Os dados são instantaneamente transmitidos pela rede móvel para um portal que analisa e interpreta essas informações através de sistemas de inteligência artificial, desencadeando avisos em caso de ameaça de risco iminente de incêndio.”

Fonte: Câmara de Cascais e Smart-Forest

Anúncios

Conheça a Trigger.Systems

A Trigger.Systems é uma startup sediada no Fundão que se dedica à criação de diversas soluções baseadas em IoT (Internet of Things) para vários sistemas aplicados à agricultura e ao ambiente. Foi fundada em 2016, pelo atual CEO da empresa, Francisco Manso, Sara Gonçalves (COO) e Márcio Martins (CTO).

A plataforma Trigger.Systems permite aceder, acionar, ler e programar remotamente e em tempo real todo o tipo de dispositivos. A Trigger está focada no desenvolvimento e aplicação de modelos de inteligência que permitem controlar sistemas automaticamente. No caso da rega, esta pode ser decidida diariamente pelo sistema de forma eficiente e automática. Trata-se de uma plataforma de gestão full-stack que facilita tomada de decisão em sistemas de rega, bombagem, lagos, fertilização, pessoal e equipamentos.

Este sistema muito simples e poderoso permite que, remotamente, consumidores e empresas acabem com o desperdício de milhares de litros de água, acedendo e gerindo, em tempo real, diversos tipos de dispositivos. Desta forma, contribuem para a sustentabilidade do planeta, resultando, simultaneamente, numa poupança avultada na conta da água, que ronda os 45%. Atualmente, com perto de 2000 dispositivos controlados pela plataforma, a startup tem como principal foco a otimização do consumo de água e de energia de uma forma eficiente e sustentável.

A solução também aposta na eficiência energética de edifícios, controlo de fontes e iluminação pública, leitura de contadores, instalações artísticas integradas e outros. Esta solução está totalmente disponível na Cloud (WEB) e adaptada para smartphones e tablets.

O contrato formalizado recentemente entre a Trigger.Systems e a Portugal Ventures, a maior Sociedade de Capital de Risco em Portugal, vai permitir um elevado aumento de capital e expandir o negócio para outros países. A política da Portugal Ventures passa pelo investimento em projetos inovadores de base científica e tecnológica com uma qualidade excecional e por isso, para a Trigger.Systems, trata-se do reconhecimento público da qualidade e importância dos softwares desenvolvidos até agora, apoiando assim a melhoria e continuação do desenvolvimento de novos sistemas de forma constante.

triggersystems